Print Shortlink

Mulher é encontrada morta dentro de casa, no Bairro Safira, em provável caso de feminicídio

MURIAÉ – Uma mulher de 44 anos foi encontrada morta, na manhã desta segunda-feira (06), dentro da residência onde morava, no Bairro Safira, e o fato está sendo tratado como um provável caso de feminicídio.

Segundo informações iniciais da Polícia Militar (PM), o marido da vítima, de 50 anos, está desaparecido e é considerado suspeito pela morte da mulher.

O corpo de Sulamar Pinheiro da Silva foi encontrado em um dos quartos do imóvel, em avançado estado de putrefação. Quando a PM chegou ao local o Corpo de Bombeiros já se fazia presente, acionado por populares que sentiram forte odor exalando da residência.

Em entrevista, no local do fato, o policial militar, tenente Amaral falou sobre o caso. Segundo ele, vizinhos da mulher relataram à PM que durante a madrugada de domingo (04) ouviram o casal discutindo dentro da residência, e que a vítima gritou por socorro, porém, não chamaram a polícia na ocasião.

O oficial afirmou também que o marido da vítima não foi encontrado em seu emprego, e que no local a PM foi informada de que esta semana o suspeito ainda não apareceu par trabalhar, bem como ninguém soube dar informações sobre seu paradeiro.

Brigas frequentes

De acordo com informações oficiais da Polícia Militar, ao menos uma testemunha e a mãe do marido da vítima, que foi procurada pela PM, informaram que as brigas entre o casal eram frequentes.

Causa da morte ainda é indefinida

A perícia da Polícia Civil (PC) realizou o trabalho técnico no local onde o corpo foi encontrado, e o cadáver passará por exames no Instituto Médico Legal (IML) de Muriaé que devem apontar a causa da morte. No primeiro momento não foram verificados ferimentos aparentes, bem como não foi possível constatar sinais de violência, devido ao estado de putrefação, e uma das hipóteses é de que Sulamar possa ter sido estrangulada.

A PC vai instaurar inquérito para investigar o caso.

Confira as imagens:




Por: Click Carangola | Com informações da PM e Rádio Muriaé.

Participe!