Print Shortlink

Jovem de 18 anos é morto com facada após discussão em Divino

Um jovem foi morto após ser atingido por um golpe de faca no município de Divino, cerca de 20 Km de Carangola, na tarde deste sábado (18).

João Vitor Alves, de 18 anos (foto), natural de Carangola, tentou amenizar uma discussão entre um jovem e seu padrasto, na Rua Altamiro Ribeiro de Castro, quando o jovem de 26 anos com uma faca, acertou João Vitor.

Uma ambulância do Pronto Atendimento Médico, socorreu o jovem mas ele não resistiu aos ferimentos e veio a falecer minutos depois. 

A população ficou revoltada, juntamente com alguns familiares da vítima e a polícia teve que retirar o autor do local do crime com a ajuda de uma ambulância a fim de manter sua integridade física. O autor foi preso em flagrante. Com informações da Polícia Militar e jornal O Impacto.

Confira as imagens:

Por: Click Carangola | Sugestões de pauta: clickcarangola@gmail.com

7 Responses

  1. Marly Ribas

    Quem mata deveria ser morto no mesmo instante! Se pode tirar o direito de viver do próximo também não poderia viver!

  2. João Gonçalves

    Mais uma vítima da violência na região.

  3. Lorraynne Oliveira

    Essa pessoa é desumana em ter cometido esse assassinato.

  4. Vanessa Souza

    Mais um caso de violência em Divino.

  5. Ricardo Brum

    Divino é uma cidade de aproximadamente 15 mil habitantes… É difícil entender o por quê de tanta violência em um lugar tão pequeno. Faltam investimentos em saúde, educação e principalmente segurança pública.

  6. Marco Martins

    O tripé, violência, pobreza e impunidade está disseminado no Brasil. Infelizmente, alguns políticos não podem tornar as leis mais rigorosas contra a impunidade e os crimes, porque eles se condenarão. Claro, não querem correr o risco de terem que pagar pelas irregularidades cometidas.

  7. Jocélia Lopes

    A violência nas cidades pequenas é reflexo decorrente da violência que predomina nas grandes metrópoles. As pequenas cidades que antigamente eram tão acolhedoras, hoje em dia estão sofrendo os mesmos problemas das grandes, em virtude do aumento no consumo das drogas, falta de investimentos na educação e outros.

Participe!