Print Shortlink

Polícia Civil (PC) em Carangola investiga caso de jovem agredida por namorado

CARANGOLA – A Polícia Civil (PC) de Carangola abriu inquérito para apurar o caso de uma jovem de 26 anos que foi agredida pelo namorado com um soco no olho, na noite de sábado (27/07), em Carangola, ocasião em que era realizada a 70ª Exposição Agropecuária.

A Polícia Militar (PM) foi acionada e compareceu ao Pronto Socorro Regional (PSR) do Hospital Casa de Caridade de Carangola (HCCC), onde a vítima deu entrada.

O caso será investigado como violência contra a mulher. A informação foi confirmada pela Delegada Danielle Alves Ribeiro, nesta segunda-feira (29). Ainda segundo Danielle, o inquérito já foi aberto e as investigações estão em andamento.

Vítima afirma já ter sofrido outras agressões

Segundo relato aos policiais registrado no Boletim de Ocorrência (B.O), a jovem disse que estava na casa do namorado, de 25 anos, quando tiveram uma discussão. A vítima pegou os pertences e foi embora.

No momento em que passava próximo a um supermercado, o namorado a abordou e a agrediu com um soco no olho esquerdo, fugindo em seguida.

O suspeito ainda a ameaçou dizendo que se ela fizesse queixa à polícia, ele divulgaria fotos íntimas do casal.

Ainda segundo a vítima, o namorado disse que “iria furar todos os seus familiares e contratar um traficante para matá-la”. A jovem afirmou aos militares que já foi agredida e ameaçada outras vezes, mas não acionou a PM por medo de sofrer represálias.

Ela foi encaminhada para o hospital por familiares e permaneceu internada para realizar exames complementares. Os militares foram até a casa do suspeito, mas não o encontraram.

Confira as imagens:

Por: Click Carangola | Com informações da PC e G1.

3 Responses

  1. Gregory

    Fala serio, preocupação da senhora é o sobrenome do agressor. Como se ele usasse o outro sobrenome fosse menos ofensivo a imagem de alguém. Independente do nome minha senhora, a criação desse jovem dependia das duas famílias, tenho certeza que tem muito “Oliveira” bandido e mocinho por ai, como o sobrenome da senhora.

  2. Zenilda aparecida de oliveira

    Sou de carangola esse rapaz não deveria ter usado nome da familia rosostolato sim Cardoso.. família rosostolato nunca teve que passar porisso ter nome jogado na boca do povo ..já fiz parte da família rosostolato são pessoas de indoli é caráter infelismente esse rapaiz que tem sobre nome Cardoso e acabou usando seu último nome rosostolato e lamentável!!!

  3. Jaime Machado

    Boa noite essas cidades de Carangola e Fervedouro era uma paz a trinta anos atrás sou de Fervedouro mais faz 15 anos que não vou por aí só que agora essas cidades viraram um inferno como acontecem coisas ruim por aí muito complicado muito difícil ninguém tem paz em lugar nenhum

Participe!