Print Shortlink

Carangola busca se reerguer após pior enchente de sua história; mais de 2 mil pessoas estão desalojadas

19h27min | News updated. CARANGOLA – A Prefeitura de Carangola – importante pólo de desenvolvimento econômico da Zona da Mata Mineira, divulgou nesta quinta-feira (30), os números oficiais dos danos que a enchente causou no município no último final de semana.

Segundo dados emitidos pela assessoria de comunicação, 2.284 famílias ficaram desalojadas e 58 imóveis precisaram ser desocupados. Ainda, segundo a prefeitura, essa foi a pior enchente da história do município.

Recentemente, a prefeitura do município informou que esse ano não haverá carnaval na cidade devido às catástrofes ocorridas.

A Defesa Civil da cidade relatou que no último sábado (25) o Rio Carangola chegou a subir seis metros de altura, invadiu dezenas de ruas, principalmente, na região central.

Quando o nível do rio para a calha, servidores do município foram às ruas e estão realizando a limpeza da cidade. 17 caminhões, três máquinas carregadeiras, uma máquina escavadeira e seis retroescavadeiras auxiliam na remoção dos entulhos.

Durante os dias em que a população viveu momentos de pânico, centenas de pessoas registraram os locais alagados. O fotógrafo carangolense Rodrigo Gomes de Caldas foi um deles. Ele percorreu os pontos mais afetados pelas águas e relatou imagens que retratam momentos de desesperos e perplexidade da população. Cenas, que os moradores querem esquecer e nesse momento, tentam se reerguer e voltar à normalidade.

Confira as imagens:




















Por: Click Carangola | Com informações Rodrigo Gomes e Rádio Muriaé.

Participe!